fbpx

A busca por um rosto mais definido e harmonioso tem sido uma busca constante no meu consultório. Entre os desejos mais comuns está a redução do volume das bochechas e o lifting facial

Como é feito o  lifting facial com redução de bochechas na Clínica Paula Chicralla 

Nosso arsenal para alcançar essa definição facial inclui produtos como o ácido hialurônico, bioestimuladores de colágeno, lasers para flacidez e gordura facial, fios de tensão e a injeção de medicações redutoras de gordura facial.

O ácido hialurônico é utilizado com precisão para esculpir e realçar áreas específicas do rosto, promovendo um contorno mais definido e levantando o peso da face. Isso é possível quando o material é colocado nas laterais da face e dentro do couro cabeludo, técnica utilizada pela equipe da Clínica Paula Chicralla.

Já os bioestimuladores de colágeno trabalham revitalizando a pele de dentro para fora, restaurando sua elasticidade e firmeza, o que contribui significativamente para a redução do aspecto "cheio" das bochechas.

Podem ser utilizados também os fios de sustentação, que promovem um efeito lifting imediato, reposicionando tecidos e estimulando a produção de colágeno.

O resultado é uma face mais jovem, natural e com contornos mais definidos, sem necessidade de intervenções cirúrgicas. As  tecnologias a  laser podem ser aplicadas conjuntamente aos outros procedimentos para compactar e destruir a gordura facial em pontos específicos, reduzir bolsas e também produzir colágeno para aumentar a firmeza.   

Nossa abordagem se concentra em procedimentos não invasivos que tratam a pele e promovem um rejuvenescimento facial integral. Com uma combinação personalizada dessas técnicas é possível alcançar a tão desejada diminuição da bochecha, definindo e "emagrecendo" o rosto, resultando num rosto de contorno mais jovem, firme e natural. 

A grande procura por uma solução para bochechas proeminentes nos motivou a aperfeiçoar nossos métodos, oferecendo alternativas que vão além das oferecidas pelo mercado. Entendemos que cada rosto é único, e por isso dedicamo-nos a criar planos de tratamento personalizados que respeitem a individualidade e os objetivos estéticos de cada cliente.

Quem pode fazer Lifting facial com redução de bochechas

Qualquer paciente que deseje rejuvenescer e definir mais o rosto de maneira natural tem indicação para realizar esse protocolo de lifting facial com redução de bochechas criado por nós.

O preenchimento de glúteo é para quem busca alcançar uma forma corporal mais equilibrada e proporcional. Isso pode envolver o aumento do tamanho e a forma dos glúteos para melhor se adequar ao quadro corporal e aos objetivos estéticos pessoais. Um glúteo mais definido e volumoso pode melhorar como as roupas se ajustam e parecem. O envelhecimento e as mudanças significativas de peso podem afetar a aparência dos glúteos. Os procedimentos de aumento podem ajudar a restaurar uma aparência mais jovem e elevada. Sentir-se mais confiante na própria aparência pode se traduzir em maior confiança social, impactando positivamente as relações pessoais e profissionais.

O que é o preenchimento de glúteo e como funciona

Um procedimento destinado a melhorar o tamanho, a forma e a aparência dos glúteos. Este procedimento pode ser alcançado por vários métodos, incluindo a injeção de preenchedores, de bioestimuladores, realização de  enxerto (transferência) de gordura, e a implantação de dispositivos de silicone. Cada técnica utiliza diferentes materiais ou "fluidos" para alcançar o resultado desejado, e cada um tem seu próprio conjunto de benefícios, riscos e considerações. 

Como é feito o  preenchimento glúteo na Clínica Paula Chicralla 

O preenchimento com ácido hialurônico é o nosso procedimento de eleição, pois não oferece riscos ao paciente, apresenta resultados naturais e o pós-procedimento não afasta o paciente de suas atividades habituais.

Houve muita evolução desses produtos injetáveis para o glúteo, que estão cada vez mais seguros e duradouros.

O clareamento íntimo é um procedimento para quem se preocupa com a beleza do corpo como um todo, que compreende a inseparável ligação entre beleza e autoestima. Para os que desejam melhorar a aparência e o "appeal" da região genital. Muitos clientes declaram que o clareamento íntimo impacta significativamente a autoestima e o conforto, especialmente em situações envolvendo o uso de trajes de banho e a vida sexual. 

Como é feito o clareamento íntimo

Os métodos para clareamento íntimo incluem tratamentos a laser de picossegundos e luz intensa pulsada, peelings químicos e cremes ou géis tópicos. Os tratamentos a laser têm como alvo a melanina e os pelos  para clarear a área. Os peelings químicos usam ácidos para esfoliar suavemente a pele, removendo as camadas superficiais mais escuras, melhorando inclusive a textura da pele da região. Produtos tópicos podem conter ingredientes voltados para a redução da produção de melanina. A escolha do método depende do tipo de pele, do grau de escurecimento e da preferência pessoal.

Por que a pele escurece

Influências hormonais, atrito de roupas apertadas, certos métodos de depilação, obesidade, uso de certos produtos químicos, processos inflamatórios, o envelhecimento e até predisposições genéticas podem provocar o escurecimento dessas áreas.

Cuidados pós-Clareamento Íntimo

Os cuidados pós-procedimento incluem limpar a área gentilmente, evitar produtos agressivos e usar roupas íntimas de algodão e soltas para prevenir irritação.

O que é a subcisão de celulite

A subcisão de celulites é Um procedimento que atua nas camadas mais profundas da pele, para agir diretamente no rompimento dos septos de fibrose que causam as irregularidades do contorno corporal. Esse método promove uma renovação e a reparação celular, que revitaliza a área tratada e resulta numa pele mais firme e com aspecto saudável.
 

O procedimento quebra os tecidos fibrosos que repuxam a pele, além de aliviar a tensão e suavizar a superfície da pele.
 A subincisão de celulites é uma técnica minimamente invasiva que ajuda a restaurar o equilíbrio tissular, otimizando a saúde e a função da pele no nível celular.

Como é feita a subcisão de celulites

O procedimento é feito com anestesia local e o uso de uma agulha especial inserida através de pequenas incisões para romper as faixas de tecido fibroso sob a pele. Essa ação ajuda a redistribuir gordura e a tensão nas regiões afetadas, criando uma superfície de pele mais lisa. Quando os tecidos fibrosos são quebrados, ocorre um estímulo ao crescimento de colágeno novo e tecido conjuntivo, e isso melhora a elasticidade e aparência da pele.

O Protocolo da Clínica Paula Chicralla 

Aqui na  Clínica Paula Chicralla, combinamos a bioestimulação de colágeno através da injeção de substâncias bioestimuladoras juntamente com o descolamento dos septos fibrosos das celulites para que o resultado seja uma pele uniforme e um contorno corporal mais definido.

Cuidados após subcisão de celulites

Após o procedimento, utilizamos bermudas de compressão e medicações para reduzir os hematomas. Além disso, pedimos que as atividades físicas sejam suspensas durante 7 dias. Exposição solar só é permitida após 15 a 30 dias. Geralmente são feitas 2 revisões, uma após 1 mês e outra com até com 6 meses do procedimento para garantir o melhor resultado. 

Os septos de fibrose rompidos não retornam e o estímulo de colágeno feito fica atuando ainda por meses após o procedimento. Portanto, os resultados são duradouros e muito satisfatórios. 

Muitos pacientes chegam às clínicas perguntando como tirar cicatrizes do rosto. A necessidade existe, afinal, quem não gosta de ter a pele lisinha como um bom cartão de visitas?

A vantagem é que existem possibilidades de suavizar essas marcas sem cirurgias ou procedimentos com cortes. Quer saber como? Leia o texto completo!

Como tirar cicatrizes do rosto?

A formação de cicatrizes — mesmo no rosto — faz parte do processo natural de recuperação. 

Seja por acidentes, queimaduras ou acne, a pele sofre a lesão e a produção de um novo tecido é a forma que o corpo encontra para tentar restaurar o equilíbrio e a integridade do tecido.

Assim, quando a cicatriz é recém-formada em uma pele clara, ela é rosada ou vermelha. Com o tempo, ou ela fica mais escura que a pele — ou mais clara. Fatores como idade, saúde geral e tamanho da lesão influenciam a aparência da cicatriz.

Ao procurar um tratamento para cicatrizes no rosto, as quais podem mexer tanto com a autoestima, é importante saber que elas podem não sumir por completo. 

Já se houver uma lesão recente, outras abordagens terapêuticas podem ser feitas para prevenir a formação da cicatriz, ao mesmo tempo em que a lesão se recupera.

Agora, conheça seis procedimentos simples e muito utilizados para melhorar a aparência dessas marcas no rosto ou no corpo. 

Peeling

O peeling é um excelente procedimento para corrigir a cor das cicatrizes e que pode ser feito com cristal, ativos químicos, vegetais, entre outros. 

Além disso, ele não promove um benefício único, como tirar cicatrizes do rosto. O procedimento também resulta em:

Microagulhamento

É um procedimento que consiste no deslizamento de microagulhas no rosto, que geram pequenas lesões e estimulam o colágeno da pele.

Como resultado, as cicatrizes do rosto ficam mais superficiais, estreitas e os poros mais fechados — melhorando a aparência geral da pele. 

Microinfusão de medicamentos

É como uma variação do microagulhamento, pois, além das microlesões, o dermatologista também aplica medicamentos diretamente na cicatriz.

Assim, além da formação de colágeno, a microinfusão também acelera a melhora do aspecto das marcas. 

Bioestimuladores de colágeno

Os bioestimuladores são ativos injetáveis que estimulam a produção de colágeno na pele.

Um dos protocolos validados também promove suavização das cicatrizes, até porque a flacidez evidencia as marcas. Logo, ao tratar a flacidez, elas também ficam mais discretas.

Laser

O laser é o procedimento capaz de fazer as cicatrizes vermelhas ou rosadas sumirem aos poucos. A tecnologia cauteriza alguns vasos sanguíneos, responsáveis por essa coloração da cicatriz.

Outros tipos de laser podem romper fibras desorganizadas de colágeno e, assim, permitir que a cicatriz se remodele, fique mais flexível e menos aparente.

LED

O LED vermelho, tecnologia semelhante ao laser, estimula a regeneração dos tecidos e previne a formação de queloides.

Além disso, outra modalidade de LED também é bactericida, o que ajuda no tratamento das acnes ativas e previne a formação das cicatrizes.

Vale lembrar que o tratamento das marcas não ajuda apenas na questão estética, mas no alívio de possíveis sintomas que também surgem, como coceira, dor e sensibilidade. 

A preocupação com a aparência e com a saúde é normal e se reflete em necessidades, como tirar cicatrizes do rosto. Por isso vale a pena saber que procedimentos são mais eficazes, seguros e com menos desvantagens, como cortes externos.

O que você achou de conhecer opções que ajudam com as cicatrizes do rosto? Aproveite e confira os benefícios dos bioestimuladores de colágeno no combate da flacidez!

Responsável técnico:

Dra. Paula Chicralla (CRM: 5279669-7 / RQE: 15402) 

Imagem: Freepik / pressfoto

Saber como clarear a virilha é uma pergunta comum para quase todas as mulheres. 

A falta de alguns hábitos, que passa batido na rotina corrida, pode levar ao escurecimento dessa região. Como não secar a área após o banho ou usar roupas apertadas todos os dias, por exemplo.

Mas existem tratamentos rápidos e seguros para deixar a região da virilha mais clara, como os procedimentos com laser. Continue a leitura para saber tudo!

Como clarear a virilha 

O amadurecimento e o envelhecimento da região íntima leva a algumas mudanças na sua aparência, como:

Tudo isso pode vir de uma forma ainda mais intensa, quando associado ao tabagismo, má nutrição, obesidade e outros fatores.

Há quem experimente receitas caseiras, como as misturas com bicarbonato de sódio. Mas geralmente elas não funcionam ou, quando funcionam, acabam agredindo a pele — gerando irritação, coceira e até lesões.

Entre as opções cientificamente comprovadas que ajudam a clarear a virilha estão o peeling, as medicações manipuladas e, principalmente, os procedimentos com laser.

Além da depilação: laser íntimo para clareamento

O laser íntimo é um dos principais recursos terapêuticos que mostra como clarear a virilha é possível. 

Exatamente. Ele não funciona apenas para a depilação. A sua aplicação pode ser bem controlada e a tecnologia possui diferentes parâmetros, o que permite bastante personalização para cada grau de escurecimento da pele — o que também é chamado de hipercromia. 

Além da ação clareadora, o laser, por si só, também contribui com a produção de colágeno. Então, com este aparelho, você nunca trata apenas o escurecimento, mas também a flacidez.

Como clarear a virilha com laser

Após avaliação, o paciente começa as sessões, que costumam ser de um a quatro e duram cerca de 15 minutos. O procedimento é indolor e não exige nenhum tipo de repouso após o atendimento.

A energia que sai do aparelho envia pulsos ultrarrápidos para as células produtoras de melanina — o ativo que escurece a pele. Esses pulsos tem baixa intensidade, apesar de serem ágeis e efetivos, por isso não agridem e não causam desconforto.

Aqui na clínica, os pacientes dispõem de três opções de tecnologia: luz intensa pulsada, Fotona Smooth e Fotona StarWalker.

Além de fazer um tratamento que não cause transtornos, o laser permite a associação de outros procedimentos para potencializar ainda mais os resultados. 

Então pode ser que o seu dermatologista também prescreva agentes clareadores de uso tópico, por exemplo, uma vez que a pele, após a aplicação do laser, fica normal e sem irritações.

Dicas para evitar o escurecimento da região íntima

Sabendo alguns fatores que levam às manchas escuras na virilha e região íntima, veja algumas recomendações que você já pode seguir desde já:

Necessidades como clarear a virilha não são de natureza puramente estética. Ter autoestima e segurança com o corpo também é qualidade de vida. Por isso, com dicas simples é possível prevenir a hipercromia e, ainda assim, tratá-la, caso incomode. 

Esperamos que tenha gostado de conhecer a eficácia do laser íntimo para o clareamento da virilha e das regiões próximas. Fique por dentro de outras dicas de saúde por meio do nosso Instagram

Responsável técnico:

Dra. Paula Chicralla (CRM: 5279669-7 / RQE: 15402)

Imagem: Freepik / master1305

O que você faz quando recebe dicas para o cabelo crescer? Experimenta logo ou prefere pesquisar antes, se funciona?

Algumas dicas fazem sentido, mas outras podem ser total perda de tempo. 

Então leia o artigo até o final para distinguir o que é mito e o que é verdade nesse universo dos cabelos. Boa leitura!

Mitos e verdades entre as dicas para o cabelo crescer

O cabelo costuma crescer de 1 a 1,5 cm por mês, quantidade que depende dos hábitos de vida da pessoa.

Aliás, o estilo de vida pode realmente determinar a sua aparência. Isso porque o estresse pode causar a perda de até 50% do cabelo.

Situações assim mais graves, incluindo os famosos cortes químicos, costumam levar muitas pessoas a seguir dicas aleatórias encontradas pelas redes sociais. 

Algumas delas funcionam, outras não. Veja só:

Deixar o cabelo sujo 

Mito. Quando passa da hora de lavar o cabelo, o couro cabeludo pode ficar oleoso, concentrando DHT (di-hidrotestosterona), hormônio da calvície.

Por isso, o adequado é lavar o cabelo com regularidade, principalmente caso ele apresente algum sinal de oleosidade.

Pentear os fios antes de dormir

Verdade. O ato de pentear o cabelo estimula a circulação no couro cabeludo, garante a oxigenação, melhora a nutrição e isso tudo pode ajudar no crescimento dos fios.

Cortar o cabelo

Mito. O cabelo é feito de uma parte que é viva, o couro cabeludo, e uma região morta, a fibra capilar.

Quando você vai ao salão e corta o cabelo na esperança dos fios crescerem mais rápido, nada vai acontecer, na verdade. Porque as pontas fazem parte de um fio morto, sem conexão com o couro cabeludo — onde nascem novos fios. 

Mas o corte até pode ajudar, por eliminar as partes mais ressecadas e favorecer um crescimento contínuo do cabelo.

Colocar anticoncepcional no shampoo

Mito. O anticoncepcional é incapaz de penetrar no couro cabeludo, assim como o óleo de coco ou de rícino — outras substâncias indicadas por aí.

Mas se o medicamento for utilizado via oral, normalmente, sim, ele pode influenciar no crescimento do cabelo.

Tratamentos com gengibre

Verdade. A planta é rica em magnésio, potássio e outros nutrientes — o que pode ajudar no crescimento do cabelo. 

Mas não é simples assim, como as receitas caseiras fazem parecer. A quantidade que os fios precisam é bem maior do que a que ingerimos. A melhor opção é conversar com seu médico e, quem sabe, adquirir algum produto capilar com gengibre na sua formulação.

Suplementar o ferro

Verdade. Assim como as proteínas (queratina, principalmente), o ferro também faz parte da estrutura do cabelo. Mas as mulheres tendem a ter menos desse mineral no corpo, por alguns fatores como:

Mas lembre que para normalizar as quantidades de ferro no organismo, você precisa de uma consulta médica. Suplementos são remédios tão sérios quanto os outros e podem causar problemas, se ingeridos por conta própria.

Fazer tranças 

Mito. Da mesma forma que a dica do cabelo sujo, fazer tranças, na verdade, pode piorar a situação — contribuindo para a queda dos fios. Toda vez que você prende o cabelo com algo, a tração pode quebrar os fios. 

No caso do estilo box braids, que são tranças rentes à raiz do cabelo, até podem ajudar. Elas duram cerca de três semanas no cabelo e, assim, ele ganha comprimento.

E você, já seguiu alguma dica para cabelo, mas que não deu certo? Marque sua avaliação e cuide do seu cabelo conosco!

Responsável técnico:

Dra. Paula Chicralla (CRM: 5279669-7 / RQE: 15402) 

Imagem: Freepik / ansiia

A nossa história de vida imprime várias marcas no nosso corpo. Cicatrizes, linhas de expressão e vários outros sinais aparecem com o tempo, de forma inevitável. Mas se você pensa em como clarear manchas no rosto, é possível.

Afinal, se elas desagradam, porque conviver com o incômodo? Além disso, os tratamentos clareadores também hidratam, ajudam na sustentação da pele, entre outros benefícios.

Nas próximas linhas, você vai conhecer os procedimentos mais rápidos e seguros para o clareamento de manchas no rosto. Aproveite a leitura!

Como clarear manchas no rosto?

Algumas manchas podem surgir naturalmente, com a idade, a genética e a gravidez. Mas excesso de exposição solar, atrito (uso de óculos, por exemplo), hematomas e infecções também têm um papel significativo no aparecimento das manchas na pele.

Devido a essa variedade de causas, as manchas no rosto também podem ter diferentes graus. 

As mais leves se beneficiam de uma simples limpeza de pele. Porque a higienização desobstrui os poros e, com a aplicação de produtos clareadores, o problema é resolvido.

Mas, principalmente depois dos 40 anos, dificilmente uma limpeza resolve e deixa a pele mais clara, né? 

Por isso, conheça 5 ótimos procedimentos para o clareamento de manchas no rosto.

Microagulhamento

Também chamado de microneedling, é a passagem de pequenas agulhas, dispostas em um rolo, que perfuram a pele superficialmente e, com isso, estimulam fatores de crescimento e colágeno. Esse estímulo torna a pele mais homogênea e saudável, com menos manchas.

Os resultados normalmente aparecem de imediato, na primeira sessão.

Peeling

Peelings superficiais e de média profundidade são indicados  para clarear as manchas e melhorar a qualidade da pele como um todo. 

Geralmente se utiliza ácidos — como o ácido glicólico, o tricloroacético e o retinoico — que deixam a pele mais sensível por cerca de cinco dias após o procedimento. 

A recuperação após o procedimento é de aproximadamente 7 a 10 dias. Mas, com uma semana, a pele já fica mais clara e rejuvenescida.

Microinfusão de Medicamentos na Pele (MMP)

É o uso de pequenas agulhas, como no microagulhamento, mas para a administração de medicamentos em pontos específicos da derme. 

Sabe aquelas manchas brancas geralmente causadas pelo sol ao longo da vida? Até pouco tempo não havia tratamento para as tão comuns leucodermias gutata, mais frequentes nos braços e nas pernas. 

O MMP veio para resgatar a pigmentação da pele com apenas duas semanas do procedimento. Uma única sessão é capaz de reverter até 80% das manchas brancas. 

Lasers

As tecnologias com lasers emitem pulsos muito rápidos específicos para atingir pigmentos profundos sem lesionar a pele ao redor. Os lasers mais modernos apagam  as manchas do rosto e recuperam a coloração homogênea natural da pele sem downtime (tempo de recuperação). 

Outro benefício do laser é que, após a sua aplicação, a sensibilidade da pele dura apenas duas horas. Com uma sessão já é possível ver os resultados e com três sessões, o resultado fica incrível em termos de clareamento, vasos, poros e qualidade geral da pele. 

Luz intensa pulsada

A luz intensa pulsada é outra tecnologia, semelhante ao laser, que faz a despigmentação de manchas no rosto. Além disso, ela pode aumentar a quantidade de colágeno e elastina na pele em 50%.

Os resultados deste tratamento costumam vir após uma semana da primeira sessão.

Como prevenir o aparecimento das manchas?

Primeiro, vale a pena chamar atenção para dois tipos de manchas específicas que precisam de mais cuidados, o melasma e a rosácea.

Os melasmas têm coloração acastanhada e podem surgir devido ao uso prolongado de um tipo de medicamento muito comum entre as mulheres, os anticoncepcionais.

Já as rosáceas são vermelhidões, presentes geralmente na parte central do rosto. Essas manchas podem vir acompanhadas de inchaço na região também. Além dos tratamentos que já explicamos, o LED é uma ótima opção para tratá-la.

Mas, agora, vamos às práticas mais recomendadas para prevenir o aparecimento de manchas no rosto:

Neste artigo, você viu tratamentos e recomendações de como clarear manchas no rosto. Assim, é possível ter uma pele homogênea e natural de novo, tanto de forma mais rápida, como aos poucos, por meio da prevenção do aparecimento de novas marcas.

E o que você achou dos procedimentos estéticos mais utilizados para clarear manchas na pele? Aproveite e confira um artigo sobre a técnica clareadora BB Glow.

Responsável técnico:

Dra. Paula Chicralla (CRM: 5279669-7 / RQE: 15402) 

Imagem: Freepik / ArthurHidden

A harmonização facial e as técnicas de preenchimento já fazem parte do mercado há bastante tempo. Mas você sabia que os glúteos, os joelhos e as coxas também precisam de colágeno? 

O procedimento com os bioestimuladores de colágeno injetáveis é uma forma eficaz de suprir essa necessidade.

Os produtos agem na derme profunda, tornando a pele mais firme, elástica e hidratada. Continue a leitura para saber como o tratamento pode ajudar você a ter o corpo dos sonhos!

O que é Radiesse? 

Radiesse é o nome comercial de um bioestimulador injetável, muitas vezes aplicado na face. Ele tem como principal função estimular a produção de colágeno, uma importante proteína da pele, e suavizar as rugas ou outras marcas superficiais.

O produto é feito de hidroxiapatita de cálcio e, após as injeções, dependendo dos hábitos de vida, o organismo continua produzindo colágeno — devido à bioestimulação —  por um ano ou mais.

Como o nome sugere, a natureza do Radiesse é semelhante a dos nossos dentes e ossos, ricos em cálcio e fósforo. É isso que dispensa a realização de testes alérgicos e períodos de repouso após as sessões. 

Vale lembrar que o seu uso é seguro e aprovado pelas Agências FDA (Agência Americana de Alimentos e Medicamentos) e Anvisa (Agência Nacional de Vigilância Sanitária).

O importante é realizar este procedimento em clínicas médicas especializadas para evitar intercorrências e obter resultados naturais.

Outros bioestimuladores, ou seja, preenchedores com a mesma função do Radiesse, são o Diamond, o Elleva (feitos de ácido poli-l-láctico) e o Ellansé (composto de policaprolactona).

É possível aplicar esse bioestimulador no corpo? 

Outro benefício dos bioestimuladores é que eles podem ser aplicados pelo corpo, também de forma segura e já comprovada por pesquisas. Algumas das áreas mais tratadas são:

Na maioria dos casos, recomenda-se 2 a 5 sessões com intervalos de 1 a 2 meses entre elas. A partir de 30 dias, o aspecto da região já começa a mudar, devido à produção de colágeno.

O melhor resultado é visto depois do terceiro mês, com indicação de manutenção a cada 12 a 18 meses.

Quais os benefícios do Radiesse?

Os principais resultados do procedimento são:

Como já explicamos, o bioestimulador é bastante seguro e tem poucas contraindicações, como em casos particulares, de pacientes em quimioterapia ou em uso de outras medicações específicas.

Alternativas ao tratamento com Radiesse

Além da injeção de outros bioestimuladores ou realização de outros procedimentos estéticos que estimulam a produção de colágeno, como ultrassom microfocado e lasers, restam poucas formas de estimular essa proteína tão importante da pele. 

As práticas mais importantes, que inclusive devem ser mantidas mesmo com os tratamentos estéticos, são: cuidar do sono e da alimentação. 

Exagerar nos carboidratos, principalmente os de baixa qualidade, que são refinados, podem aumentar a perda do colágeno. 

Além disso, ao dormir, o hormônio do crescimento (GH) também ativa a produção de colágeno. Por isso, noites mal dormidas prejudicam a sua pele.

É normal ter um detalhe ou outro no corpo que não gostamos. Com a alimentação e a saúde hormonal em dia, considere buscar os tratamentos com o bioestimulador Radiesse. Ele pode realçar contornos e evidenciar a beleza que você também possui! 

Gostou de saber sobre essas possibilidades de tratamento estético corporal? Nos siga no Instagram e acompanhe mais informações por lá também! 

Responsável técnico:

Dra. Paula Chicralla (RQE 15402)

Imagem: Freepik / teksomolika

Você treina na academia, cuida da alimentação, tem a saúde em dia e mesmo assim não se sente bem com as suas curvas? O tratamento com os preenchedores corporais pode ser exatamente o que está faltando na sua rotina de autocuidado.

De forma similar aos preenchedores faciais, as injeções de ativos baseados em ácido hialurônico dão aquele up que você procura. Leia o artigo completo e saiba mais!

O que são preenchedores corporais?

Os tratamentos corporais não invasivos têm evoluído cada vez mais. Um deles é o de preenchimento corporal.

Consiste na injeção de preenchedores nas camadas mais profundas da pele para estimular a produção de colágeno. Essa ativação acentua as curvas, melhora a flacidez e esculpe os contornos, como os glúteos.

A musculação proporciona bons resultados no trofismo dos glúteos, de fato. Mas o envelhecimento, que é inevitável, além de outros fatores como emagrecimento e perda de peso, reduzem bastante a quantidade de gordura natural da região.

Por isso, os preenchedores têm o potencial de devolver esse aspecto saudável do bumbum. O procedimento deixa a área mais empinada e preenchida, ressaltando a beleza e valorizando o corpo.

Como funciona o preenchimento corporal?

De forma semelhante ao preenchimento nas regiões da face, após uma avaliação, o médico aplica o preenchedor. Inclusive, os resultados poderão ser observados imediatamente — os quais duram cerca de 1 a 2 anos, dependendo do paciente.

Esse resultado temporário é particularmente positivo, pois além de apresentar resultados naturais, é absorvido com o tempo. 

Já as próteses de silicone no bumbum que, realmente, são duradouras, por outro lado, exigem outro procedimento cirúrgico — no caso do paciente não gostar do resultado.

Vale lembrar que os preenchedores corporais podem ser aplicados em outras áreas além do bumbum, como:

Como escolher um bom preenchedor corporal?

O Ministério da Saúde está em constante vigilância quanto aos tipos de preenchedores utilizados nas clínicas.

Os resultados do tratamento dependem não só da competência do médico dermatologista, mas do material utilizado.

Em praticamente todos os casos, se utiliza algum ativo do ácido hialurônico, mas é importante ficar atento sobre que composto é, exatamente.

Há um tempo atrás, o macrolane, fabricado na Suíça, era um preenchedor utilizado livremente. Mas hoje, em 2021, ele foi suspenso. 

Nos glúteos, ele já tinha restrições, de fato, pois exigia um grande volume para preencher o músculo e ainda não há estudos que garantam a segurança do procedimento.

Em resumo: encontre um especialista de confiança e pergunte sobre o preenchedor escolhido. Converse e descubra se há outras opções. Analise as alternativas. Assim você sairá da clínica com tranquilidade, apenas aguardando os resultados ficarem visíveis. 

Alternativas aos preenchedores corporais

Outras abordagens, dentro da harmonização corporal, também podem ajudar a obter esse efeito — mesmo sem preencher. Veja:

A evolução na medicina colocou os preenchedores corporais como mais um aliado para quem busca ressaltar a beleza. O procedimento é seguro, mas é fundamental buscar uma clínica que seja de sua confiança.

Na Clínica Paula Chicralla, estamos sempre observando os lançamentos do mercado para trazer as opções mais eficazes e seguras para os pacientes. Então venha fazer a sua avaliação hoje mesmo!

Responsável técnico:

Dra. Paula Chicralla (RQE 15402)

Imagem: Freepik / drobotdean

você merece se sentir
bem com você

Siga no instagram

cross
Falar por Whatsapp
💬 Falar por Whatsapp
Olá!
Como podemos ajudar?